quinta-feira, 19 de janeiro de 2012

AZUL TURQUESA

Há muitos milhares de mundos atrás os Feiticeiros Cinzento-Escuro invadiram a Terra das Fadas, mas fizeram-no de uma forma tão subtil, tão sagaz que ninguém reparou. A pouco e pouco surgiram alguns sinais de que nem tudo estaria bem com as Fadas. A Fada das Boas-Vindas, até aí simpática e acolhedora, quando se tratava de saudar alguém dizia:"Espero que a vossa estadia seja a mais breve possível!" A Fada Perfumada passou a exalar um cheiro terrível que afastava o mais entupido e constipado nariz. A Fada das Boas-Mensagens, entregava a todos telegramas assustadores. A Fada das Brisas levantava todas as noites um enorme temporal e até a Fada das Crianças teve a ousadia de lhes dar uns tabefes quando se portaram mal! Mas apenas quando a Fada da Alegria passou a sentir-se todos os dias triste, a Fada das Fadas exclamou: "Esta situação não se pode manter. Às tantas ficamos sem saber para que é que existem as Fadas!" E decidida, convocou o Conselho das Fadas com o aviso expresso de comparência obrigatória. Nomeou também a Fada dos Lápis sua secretária e encarregou-a de escrever a acta. (Faz-se aqui um parênteses para explicar que a maioria das fadas não tem grande jeito para actas, preferindo histórias com outros enredos e actores). E as Fadas reunidas em Conselho falaram dos sentimentos estranhos que sentiam, das contradições da sua vida até aí tão doce e brilhante e do Cinzento que parecia invadir todas as coisas. Levaram muito tempo nisto, tanto, que a Fada dos Lápis gastou 15 folhas de papel manteiga e 3 lápis verdes! Até que uma tímida e doce voz se ouviu bem lá dos fundos e um pequeno Pirilampo agitando as suas asas disse:"Eu sei quem baralhou o vosso mundo e o tornou estranho e enviesado!" As Fadas viraram-se todas ao mesmo tempo e tão ruidosamente que o Pirilampo ficou sem luz durante uns segundos. Então a Fada das Fadas deu-lhe a palavra e o Pirilampo contou como os Feiticeiros Cinzento-Escuro tinham penetrado na Terra das Fadas e se tinham aproveitado dos seus despreocupados e felizes corações. Como a noite já ia longa e não havia mais papel manteiga para a acta, a Fada das Fadas propôs que regressassem todas às suas casas e voltassem apenas quando uma delas tivesse descoberto a maneira mais bela e perfeita de resolver a questão, ou seja, tornar os Feiticeiros Cinzento-Escuro em Feiticeiros Azul Turquesa.



Nenhum comentário:

Postar um comentário